Veja Portugal

Hotel Lis - Baixa

Turismo religioso aposta nos caminhos de Fátima e Santiago (com vídeo)

9 de Abril de 2013

O Caminho Português de Santiago, que esta sexta-feira, dia 12, é debatido durante uma conferência internacional na Anadia, é uma das três temáticas de um filme lançado durante a BTL, em Lisboa, pelo Turismo de Portugal, que mostra locais de culto e celebração religiosa no nosso País.

O filme “Caminhos da Fé”, além da rota para Santiago de Compostela, aborda também a “Devoção e Festas Religiosas” e a “Herança Judaica”, num conjunto de “valioso património cultural, artístico, natural e espiritual”, como explica o Turismo de Portugal.

O Caminho Português de Santiago é, precisamente, o tema de uma conferência internacional que a Associação de Peregrinos Via Lusitana está a organizar, em colaboração com a Entidade Regional de Turismo do Centro, a Delegação Oficial de Turismo Espanhol e a Câmara da Anadia (Ver programa aqui).

Segundo o Turismo de Portugal, “o Turismo Religioso foi identificado como um dos produtos que podem contribuir para aumentar os fluxos turísticos em períodos que não coincidem com a época alta, atraindo visitantes de mercados não tradicionais”.

Em Portugal, dez por cento do movimento turístico corresponde ao turismo religioso, ou seja, sete milhões de pessoas. As receitas podem atingir os 700 milhões de euros anuais. Só o Santuário de Fátima regista cinco milhões de turistas por ano, quatro milhões dos quais peregrinos.

Segundo a “Análise económica da peregrinação de 2011”, elaborada pela Federação Espanhola das Associações de Amigos do Caminho de Santiago, os peregrinos tradicionais (a pé, de bicicleta e a cavalo) do Caminho Português geraram receitas superiores a nove milhões de euros. Ao todo, entre portugueses e estrangeiros, foram 22 062 os que passaram por terras lusas.

 

Comentários

comentários

Login para a tua conta

Não te recordas da tuaPassword ?

Registar neste site!