Veja Portugal

Hotel Lis - Baixa

Vinho: mais quantidade para Angola, melhor preço em França

2 de Dezembro de 2013

 A Angola é o principal cliente do vinho português em quantidade, mas a França é o país que paga mais pelo ‘néctar’ nacional, revela um estudo de Frederico Falcão, do Instituto da Vinha e do Vinho, a que a Veja Portugal teve acesso esta segunda-feira.

A análise revela que, em 2012 e em termos percentuais, França ocupou o primeiro lugar em valor (114,5 milhões de euros) e Angola ficou em igual posição em volume (68,7 milhões de litros)

O estudo, intitulado “O sector vitivinícola de Portugal em números”, adianta que o vinho é, na agricultura nacional, dos produtos que mais contribui para o desenvolvimento e internacionalização da economia portuguesa, com 1,6% das exportações de bens e 15,5% das vendas no exterior na área agro-alimentar no último ano.Vinho

Também em 2012, as exportações corresponderam a 60% da produção, enquanto a média dos últimos três anos se cifrou nos 49%.

As nossas exportações representaram 2,8% do mercado mundial em valor em 2012 e cresceram 27% em 10 anos, o que significa, segundo o estudo, um resultado positivo (em volume e em valor) nos últimos três anos.

No ano passado, a exportação de vinhos valeu 704,8 milhões de euros, correspondentes a 3,35 milhões de hectolitros; ou seja, um aumento de 7,1% em valor e 8,8% em volume (face a 2011).

Segundo Frederico Falcão, no primeiro semestre exportámos 314,07 milhões de euros, o equivalente a 1,51 milhões de hectolitros; um crescimento de 2,6% em valor e uma redução de 4,7% em volume (face ao 1º semestre de 2012).

 

Comentários

comentários

Login para a tua conta

Não te recordas da tuaPassword ?

Registar neste site!