Veja Portugal

Hotel Lis - Baixa

“Lobis na diáspora e administração mais ágil fundamentais”

13 de Dezembro de 2013

Uma maior agilidade da administração portuguesa e a criação de lóbis que envolvam empresários em território nacional e na diáspora são fundamentais para Portugal ultrapassar a crise económica, considerou esta sexta-feira, em Leiria, o secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, José Cesário.

“Nós somos bons, mas temos de acreditar mais em nós, de ser capazes de pôr todos em contacto e de criar lóbi”, afirmou o governante na abertura do 3º Encontro Empresarial da Diáspora, organizado pela Nerlei – Associação Empresarial da Região de Leiria.

diaspora 2

Os empresários da diáspora na ‘foto de família’, com o presidente da Câmara de Leiria, Raul Castro (à esquerda.) e o secretário de Estado, José Cesário (à direita, em primeiro plano)

Para José Cesário “é um dado adquirido a necessidade trabalharmos de forma mais articulada”, mas para isso “precisamos de nos sentar mais à mesa” e “as nossas instituições têm de estar muito mais abertas ao trabalho com todos”.

Para que o País possa desenvolver-se “temos de falar mais uns com os outros e a nossa administração tem de estar muito mais disponível, de ser muito mais ágil para trabalhar” com os investidores, salientou o secretário de Estado.

José Cesário constatou ainda que “a promoção económica está sempre de braços dados com a cultura”, pelo que os valores culturais portugueses no exterior também devem ser envolvidos “no esforço de promoção do País”.

O 3º Encontro Empresarial da Diáspora reúne, esta sexta-feira e sábado, duas dezenas de empresários oriundos de países como o Canadá, Brasil, África do Sul, Reino Unido, Bélgica, Luxemburgo e França, além de dezenas de outros que têm as empresas em Portugal.

A iniciativa “tem como objectivo contribuir para o crescimento da actividade económica do distrito de Leiria, promovendo a região e oferecendo oportunidades de negócio para os empresários da comunidade portuguesa e luso-descendente a residir fora de Portugal”.

 

Comentários

comentários

Login para a tua conta

Não te recordas da tuaPassword ?

Registar neste site!