Veja Portugal

Hotel Lis - Baixa

Lisboa e Varsóvia unidas pelo comércio de produtos portugueses

23 de Agosto de 2013

Um português. Uma polaca. E a Internet. Gonçalo Franco, de 38 anos, natural de Lisboa, e Marzena Gregier, de 32, polaca de Varsóvia, conheceram-se online e casaram. Passaram oito meses em Jerusalém, devido à especialização dela em Antropologia Cultural e em 2005 instalaram-se na capital da Polónia, onde lançaram uma empresa de importação de produtos portugueses, que distribuem em lojas e supermercados.

. Gonçalo Franco, de 38 anos, natural de Lisboa, e Marzena Gregier, de 32, polaca de Varsóvia

Gonçalo Franco, de 38 anos, natural de Lisboa, e Marzena Gregier, de 32, polaca de Varsóvia

A Smaki Portugalii (Sabores de Portugal) foi criada há sete anos com o intuito de importar produtos portugueses de referência na área alimentar. “As perspectivas de futuro são sempre de crescimento, no entanto, é lento e acontece pela persistência. Há constantes dificuldades como a distância, que torna o transporte para a Polónia muito caro, ou, simplesmente, o facto de os produtos serem portugueses e, na Polónia, Portugal não estar associado a uma ideia de qualidade”, conta Gonçalo Franco, acrescentando: “Um dos nossos desafios tem sido mostrar que são da mais alta qualidade. Aos poucos temos conseguido”.

Os produtos mais fáceis de vender são as conservas e o azeite. No entanto a Smaki Portugalii vende também tostas, café, flor de sal, bebidas gasificadas e sumos, estes com um potencial de crescimento muito grande. Ultimamente, a empresa adicionou à sua oferta vinagres e reduções de vinagre de fruta. Em breve conta representar mais uma marca de conservas e quer, também, importar mais azeite, mel, arroz e doces regionais.

A aceitação dos produtos é muito boa, depois de provarem os clientes tornam-se fiéis, garante Gonçalo Franco. “Quando compram uma vez, nunca deixam de comprar. Daí o nosso slogan ser: zrozumiesz, gdy spróbujesz! – em Português: percebes quando provares.”

Smaki Portugalii (Sabores de Portugal) “Quem prova o azeite de Moura fica maravilhado”

A promoção é feita através de eventos gastronómicos em que participamos, alguns organizados por nós, mas também com a publicação de artigos em publicações da especialidade. O nosso trabalho é de distribuição para toda a Polónia, mas ao sábado pela manhã, num dos mercados de Varsóvia, estamos a vender directamente ao público em geral. Aí, aproveitamos para, com os clientes, fazer mais promoção e divulgação, dar às pessoas um pouco mais que apenas uma garrafa de azeite ou uma conserva de peixe. Explicamos o que fazemos, o porquê destes produtos, em que se diferenciam, como são produzidos, quais as vantagens e degustamos.

Esse trabalho tem trazido grandes resultados e as pessoas não deixam de comprar. Quem prova um azeite de Moura fica maravilhado, o mesmo acontece com o café português! Contamos ter, entretanto, uma loja online onde teremos à venda as nossas referências. Optámos por produtos portugueses porque quase não existiam no mercado polaco. Começámos com uma marca de conservas e já representamos doze e 200 referências, com tendência para crescer a oferta. – Gonçalo Franco, administrador

Smaki Portugalii (Sabores de Portugal)

Sede: Varsóvia, Polónia

Actividade: Importação e distribuição de produtos alimentares

Início de actividade: 2005

Número de trabalhadores: 5

Volume de negócios:  n.d.

 

Comentários

comentários

Login para a tua conta

Não te recordas da tuaPassword ?

Registar neste site!