Veja Portugal

Hotel Lis - Baixa

Flores e plantas ornamentais exportam 28%

20 de Junho de 2013

As exportações de flores e plantas ornamentais representam 28% da produção nacional e têm “uma importância estratégica, sendo a principal forma de escoamento das folhagens de corte e complementos de flor e a segunda mais importante para as flores de corte e para as plantas ornamentais”, refere o Instituto Nacional de Estatística (INE) no Inquérito à Floricultura e Plantas Ornamentais 2012.

Entre 2002 e 2011, verificou-se uma redução do défice da balança comercial das flores de corte (-11,8 milhões de euros), em resultado do aumento das exportações (+55%) e do decréscimo das importações (-15%), adianta o documento publicado pelo INE.

A Holanda mantém a posição de principal país de destino das exportações de flores de corte nacionais (43% em valor, em 2011), mas a Espanha registou um aumento significativo, passando de 5% em 2002 para 35% em 2011.EXPOJARDIM

O saldo da balança comercial das plantas ornamentais registou uma acentuada diminuição, passando dos -24,8 milhões de euros em 2002 para os -6,8 milhões de euros em 2011, em consequência do aumento das vendas no exterior (+146%).

As saídas para Espanha e Itália a aumentaram, respectivamente, 29% e 26% ao ano (no período 2002-2011) representando, no seu conjunto, 22% do valor total das exportações de plantas ornamentais em 2011.

“O contributo muito positivo das exportações de folhagens de corte”, que entre 2002 e 2011 triplicaram de valor, não foi suficiente para inverter o saldo da balança comercial que continuou negativo, rondando os -1,2 milhões de euros.

Os principais destinos de folhagem de corte em 2011 foram Holanda (60%), Alemanha (18%), Espanha (9%) e Bélgica (9%).EXPOJARDIM

Em 2012 existiam em Portugal 1.010 explorações com culturas florícolas, que ocupavam uma área base de 1365 hectares, dos quais 564 hectares com flores de corte, 185 hectares com folhagens de corte e complementos de flor e 617 hectares com plantas ornamentais.

Entre 2002 e 2012 todos os tipos de produção florícola registaram um incremento das superfícies, mas destacam-se as plantas ornamentais, cuja área aumentou 240 hectares.

 

Comentários

comentários

Login para a tua conta

Não te recordas da tuaPassword ?

Registar neste site!