Veja Portugal

Hotel Lis - Baixa

Exportações de produtos culturais crescem 10% por ano

2 de Fevereiro de 2014

A taxa de crescimento média anual das exportações culturais e criativas portuguesas excedeu os 10% na última década, acima do ritmo exportador do total da economia portuguesa (9,8%), revela um estudo promovido pelo Gabinete de Estratégia, Planeamento e Avaliação Culturais da secretaria de Estado da Cultura, coordenado pelo ex-ministro da Economia Augusto Mateus.

O peso no total de vendas do País superou os 3%, contribuindo em igual valor para acréscimo das exportações de bens e serviços. O estudo ‘A cultura e a criatividade na internacionalização da economia portuguesa’, divulgado sexta-feira, 31, realça que “as exportações do conjunto das indústrias criativas e relacionadas apresentam um dinamismo e uma resiliência superior à média nacional”

Os artigos mais relevantes estão relacionados com os audiovisuais (equipamentos de suporte de radiodifusão, filmes e produção sonora) e o design (materiais de suporte à arquitectura e vendas de ouro; mobiliário e têxtil lar)cultura

O mercado de língua oficial portuguesa acolheu 15% das vendas das indústrias criativas em 2011. As quotas de mercado são consideradas relevantes em São Tomé e Príncipe (77%), Angola (40%), Cabo Verde (36%), Guiné-Bissau (35%), Moçambique (19%) e Timor Leste (15%).

A diferenciação dos produtos exportados através da cultura e da criatividade é um eixo com “alguma importância” para a estratégia de internacionalização das empresas, de acordo com a consultora Augusto Mateus & Associados. Três em cada cinco planeiam reforçar a médio prazo o investimento associado à cultura e à criatividade;

Em termos globais, esta área inclui artigos de design, artesanato, artes visuais, edição, novos média, audiovisuais e serviços relacionados com publicidade; arquitectura, investigação e desenvolvimento, serviços culturais e recreativos, incluindo matérias-primas, e equipamentos de suporte que asseguram a criação, produção, distribuição e consumo dos produtos das indústrias criativas.

 

Comentários

comentários

Login para a tua conta

Não te recordas da tuaPassword ?

Registar neste site!