Veja Portugal

Hotel Lis - Baixa

Empresários de Leiria revoltados com cortes de electricidade

15 de Março de 2013

Os empresários do distrito de Leiria, incluindo muitos empenhados nos mercados externos, “sofrem prejuízos enormes” com os cortes de electricidade “sempre que há um dia com um pouco mais de vento ou chuva, uma situação que se arrasta há mais de uma década”, denuncia, em comunicado, a Nerlei- Associação Empresarial da Região de Leiria.

A associação “considera inaceitável que estes problemas se arrastem e que pouco, ou nada, tenha melhorado”, constando a região como a que tinha o maior Tempo de Interrupção Equivalente da Potência Instalada em 2011.

Para tentar resolver este problema, a Nerlei enviou uma carta ao presidente executivo da EDP, António Mexia, “a exigir que se desloque ao distrito, um dos que mais contribui para a riqueza do País”. O objectivo da eventual deslocação é que “explique aos empresários o porquê de continuarem a sofrer prejuízos enormes”.

Abrantes EDP

“Bastou um dia de Inverno mais rigoroso, com ventos um pouco mais fortes, mas perfeitamente normais para esta época do ano, para que várias empresas do distrito vissem o seu normal funcionamento afectado e tenham sofrido prejuízos avultados na sua produção, devido às interrupções no fornecimento de energia que se verificaram” há uma semana, explica a associação.

A EDP Distribuição “continua, de forma inaceitável, a justificar estas situações com as condições climatéricas. Mas, se as infra-estruturas de distribuição de energia eléctrica no distrito não são as adequadas para “aguentar” dias de Inverno mais rigoroso, é urgente que sejam feitos os investimentos necessários”, conclui a Nerlei- Associação Empresarial da Região de Leiria.

 

 

 

Comentários

comentários

Login para a tua conta

Não te recordas da tuaPassword ?

Registar neste site!