Veja Portugal

Hotel Lis - Baixa

Empresa portuguesa é uma referência ibérica no papel tissue

23 de Outubro de 2013

A história da AMS-GC começa em 2006, quando são elaborados os estudos de mercado e económico-financeiro e vai ganhando forma – com três factos relevantes em 2008, o protocolo com a Câmara de Vila Velha de Ródão para a instalação da fábrica, a atribuição do estatuto de Projecto de Potencial Interesse Nacional e a assinatura da parceria estratégica com a Gomà Camps – até ao início da construção da unidade industrial em 2009.

A fábrica foi inaugurada há quatro anos e desde então não parou de crescer, em dimensão física, em volume de negócios e em reconhecimento. No corrente ano já foi distinguida com o Premio Excelência no Trabalho pela Heidrick & Struggles/Económico e incluída no ranking das 100 melhores empresas para trabalhar em Portugal.

A empresa prevê crescer este ano acima dos 10% e produzir 32 mil toneladas de papel tissue, próprio para papel higiénico, rolos de cozinha e guardanapos, entre outras utilizações, nomeadamente no segmento profissional. As exportações representam 23% da produção, para os mercados Ibérico, França, Marrocos e PALOP.AMS-GC

A tendência de crescimento empresa verifica-se desde a sua instalação e a terceira fase de expansão da fábrica já foi concluída. Até agora foram investidos 49 milhões de euros na AMS-GC, que ocupa mais de 150 mil metros quadrados e resulta de uma parceria entre os espanhóis da Gomà-Camps e os portugueses dos grupos GOPACA e Mateus, entre outros investidores.

“Somos uma referencia na Península Ibérica”

AMS-GC

José Miranda, administrador da AMS-GC

“A AMS-GC orgulha-se hoje e quatro anos depois de ter iniciado o seu processo produtivo, de ser já uma referência no mercado de tissue na Península Ibérica, posicionando-se como uma empresa competitiva e apostando na criação de valor para com os seus stacholders e tendo sempre presente uma visão preocupada com o desenvolvimento sustentado nas suas três vertente: comportamento ético, envolvente social e criação e valor.

A visão dos empreendedores persiste e acompanha a vida da empresa, de que é exemplo os novos investimentos em curso e em fase de conclusão, ascendendo a um valor de 6 milhões de euros e que a empresa espera concluir durante todo o mês de Setembro. Além destes, a empresa está presentemente a rever todo o seu business plan a cinco anos, com fortes perspectivas de poder continuar a investir, garantindo desta forma a satisfação das contínuas necessidades dos clientes e potenciar significativamente as exportações bem como o seu grande factor diferenciador na indústria de Tissue traduzido na ligação por pipeline à fábrica de pasta de papel, sendo a AMS-GC a única unidade da europa do sector com esta inovação e que se tenha conhecimento, a segunda a nível mundial. A AMS-GC com o seu empreendedorismo e visão, segue desempenhando o seu papel na vida. – José Miranda, administrador.

AMS-GC

Sede: Vila Velha de Ródão

Sector de actividade: Indústria de tissue

Início de actividade: 18/7/2007

Número de trabalhadores: 126 (146 no final do ano)

Volume de negócios: 42,2 milhões de euros. Budget de 48,8 milhões de euros em 2013.

Volume de negócios exportação: 6,8 milhões de euros. Previsão e 11 milhões em 2013.

 

 

Comentários

comentários

Login para a tua conta

Não te recordas da tuaPassword ?

Registar neste site!