Veja Portugal

Hotel Lis - Baixa

Associação promove 33 acções de internacionalização no próximo ano

5 de Dezembro de 2013

“A Associação Empresarial de Portugal (AEP) vai organizar no próximo ano 33 ações de promoção das empresas e produtos nacionais no estrangeiro, mais oito do que em 2013. O calendário contempla 24 mercados e foi dado a conhecer esta quinta-feira, num encontro de networking em que participaram mais de 150 empresários e gestores de pequenas e médias empresas (PME), a maior parte delas exportadoras.

O programa associativo de internacionalização “Business on the way 2014” combina ações multissetoriais, como missões empresariais, e ações dirigidas às quatro fileiras – construção, alimentação e bebidas, casa e decoração e saúde – que na avaliação da associação apresentam um “potencial exportador relevante e podem ter um efeito de íman, alargando a presença das empresas e da oferta portuguesas em mercados ainda insuficientemente explorados mas onde estamos a ganhar quota, a pouco-e-pouco”, realça Paulo Nunes de Almeida, vice-presidente da AEP. No calendário, há 15 missões empresariais, outras tantas feiras de negócios e três ações híbridas do tipo “blitz”, para promoção de vinhos e produtos gourmet, na Rússia, Brasil e Japão.

Diversificar mercados, apostando nas economias de países emergentes ou que estão já a sair da crise, e manter as apostas nas fileiras da construção e da alimentação e bebidas são as características mais marcantes do calendário proposto às mais de 300 PME que nos últimos cinco anos participaram em pelo menos uma feira de negócios ou missão empresarial da AEP no estrangeiro.aep

“Pelo que vem fazendo na internacionalização, a AEP é hoje o principal agregador multissetorial das empresas portuguesas na economia global”, assumiu o seu vice-presidente no encontro de ‘networking’ empresarial “Ócios dos Negócios”, em que foram conhecidas as 33 ações fora de portas a realizar no próximo ano, que constam de uma candidatura a co-financiamento público através do Compete, ao abrigo do QREN, orçada em 8 milhões de euros e que abrange o ano de 2014 e o primeiro semestre de 2015, em que estão programados mais 19 eventos.

Falando em representação do presidente da AICEP Portugal Global, em missão oficial no estrangeiro, o diretor da agência pública de investimento para as PME, Pedro Rodrigues, reconheceu o “papel determinante” que a AEP vem assumindo no apoio à internacionalização das empresas portuguesas e congratulou-se com o incremento das exportações, que deverão valer mais de 40% do PIB nacional no final do ano. “É a prova da capacidade de reação e da competitividade das nossas empresas”, salientou.

14 missões multissetoriais e 14 feiras

Com mais oito ações do que este ano, a atividade internacional da AEP em 2014 contempla 14 missões empresariais multissetoriais, abarcando as principais geografias económicas do mundo atual, e uma, reservada a operadores nacionais de alimentação e bebidas, que terá como destino o Brasil. A isto acrescem a participação coletiva em 14 feiras de negócios por esse mundo fora e organização de quatro eventos que combinam mostra e degustação de produtos gourmet e vinhos com encontros de negócios, num formato que a AEP acarinha de forma particular: as Portugal Market Week. No cômputo geral, a associação pretende estar com as empresas, marcas, produtos e serviços portugueses em 25 países no próximo ano.

As 33 ações, apresentadas em primeira mão a mais de centena e meia de empresários e gestores que investem grande parte do seu ano em feiras e missões no estrangeiro, repartem-se pela Europa (oito), América do Norte (uma), América Latina (cinco), Médio Oriente (sete), África (seis) e Ásia (seis). A realçar o retomar das apostas nos mercados do Canadá e do Irão, cada qual com uma missão multifileiras programada, e uma primeira abordagem à economia do Zimbabué, no âmbito de uma missão conjunta a Moçambique, já em Janeiro. Também a Líbia volta a figurar no calendário, através da participação na feira de construção Libya Build Expo, em Maio.

De resto, vão manter-se as Portugal Market Week na Rússia, com Moscovo e São Petersburgo a poderem provar, de novo, os nossos vinhos, azeites, charcutaria e outros produtos gourmet, estreando-se o formato em Belo Horizonte, no Brasil, e em Tóquio, capital do Japão.

Nesta área ainda, assinale-se a participação na edição n.º 1 da feira Mediterranean Food, na Alemanha, numa iniciativa conjunta da AEP e da Messe Dusseldorf, organizadora do certame, para promoção dos produtos alimentares portugueses característicos da dieta mediterrânica e com potencial exportador.

Construção e alimentação com mais participantes

Sectorialmente, construção e afins; alimentação, bebidas e equipamento hoteleiro; saúde e equipamento médico e hospitalar; e casa e decoração continuam a ser as quatro áreas privilegiadas no programa associativo de promoção externa.

De resto, a maior parte das 224 participações contabilizadas nas 25 ações levadas a efeito em 2013 operam nesses sectores: 72 empresas enquadram-se na fileira da construção; 63 estão ligadas a negócios de alimentação, bebidas e equipamentos para a indústria hoteleira; a área da saúde mobilizou 18; e registaram-se 13 participações de operadores que se dedicam à produção e/ou comercialização de produtos para casa e decoração” (Informação da marca)

 

Comentários

comentários

Login para a tua conta

Não te recordas da tuaPassword ?

Registar neste site!